Votação do método cívico-militar em escolas de Maringá e região será retomada
Programa de colégios cívico-militares foi lançado no dia 26 de outubro no Palácio do Iguaçu (imagem ilustrativa/foto: Geraldo Bubniak/AEN)

Consulta pública

Votação do método cívico-militar em escolas de Maringá e região será retomada

Educação por Fabio Guillen/GMC Online em 03/11/2020 - 20:07

A votação para a comunidade escolher se quer ou não o método cívico-militar em escolas estaduais de Maringá e região será retomada nesta quarta-feira, 4. A informação foi confirmada pelo Núcleo Regional de Educação na tarde desta terça-feira (3).

A retomada acontece nas escolas em que o quórum absoluto não foi alcançado. Para que a implementação seja efetivada, é preciso que mais de 50% das pessoas aptas a votar na escola participem da consulta e que a maioria simples dos votantes (50% e mais um voto) seja favorável ao programa.

Os pais, professores e servidores da Escola Estadual Tomaz Edison Andrade Vieira, de Maringá, poderão votar das 8h às 20h. O mesmo horário vale para O Colégio Independência, em Sarandi e Colégio Vercindes, em Paiçandu. 

O modelo proposto pelo Governo do Paraná já foi aceito em três escolas de Maringá e foi negado pela comunidade do Colégio Brasílio Itiberê. Em Maringá e região a comunidade escolar decidiu pela aprovação do novo modelo nas seguintes escolas:

Serafim França, em Astorga

Cecília Meireles, em Colorado

Vicente Pallotti, em Mandaguari

Alberto Jackson Byington Júnior, em Maringá

Ipiranga, em  Maringá

Vinícius de Moraes, em  Maringá

Cora Coralina, em Sarandi

Pedro Viriato Parigot de Souza, em Marialva

No total, 217 instituições de ensino, em 117 municípios do Paraná, estão com processo de consulta pública aberto para que a comunidade escolar vote. Clique aqui e entenda como vai funcionar esse novo modelo proposto pelo Governo do Paraná. 

Acesse GMC Online 

 

Quer enviar sugestão, comentário, foto ou vídeo para a CBN Maringá? Faça contato pelo WhatsApp (44) 99877 9550