‘Cidade globalizada’: Podcast Linha do Tempo comenta influência dos imigrantes na construção de Maringá
Foto: Divulgação

Episódio 8

‘Cidade globalizada’: Podcast Linha do Tempo comenta influência dos imigrantes na construção de Maringá

Podcast por Monique Manganaro/GMC Online em 06/06/2022 - 17:35

A história de Maringá foi construída a partir do trabalho de diversos povos vindos de outros estados brasileiros e também de imigrantes, que deixaram os países em que nasceram para buscar novas oportunidades em terras pouco exploradas ao norte do Paraná. O desenvolvimento do município está atrelado às histórias desses povos e, por isso, a influência de comunidades imigrantes se tornou o tema do oitavo episódio do podcast Linha do Tempo. 

Projeto do Grupo Maringá de Comunicação (GMC) para celebrar os 75 anos da Cidade Canção, o podcast está percorrendo a história de Maringá e conversando com especialistas em diferentes assuntos para retomar marcos importantes na trajetória do povo maringaense. 

Entre os convidados deste episódio, a jornalista Brenda Caramaschi conversou com Armando Rabelo, imigrante português que veio para Maringá na década de 1970. Os portugueses são um dos exemplos de povos que vieram em maior número para Maringá e acompanharam o crescimento da cidade. Muitos dos imigrantes que decidiram se mudar para a região se envolveram com o comércio e montaram estabelecimentos que são lembrados até hoje. 

Durante o bate-papo, Rabelo reforçou a importância da comunidade para a história de Maringá. “O crescimento de Maringá está [ligado] à comunidade portuguesa, que existe ainda hoje e que foi um marco importante para o desenvolvimento desta cidade. Os portugueses que passaram por aqui nos deixaram um marco criando o Centro Português de Maringá, é um clube que vai ficar marcando a nossa passagem por aqui. Na Catedral de Maringá, também, o primeiro presidente da comissão que angariava o dinheiro foi um português, o Joaquim Duarte Moleirinho. Os vitrais [da Catedral] foram construídos em São Paulo e a montagem era muito minuciosa, e curiosamente, isso foi montado por um português”, destacou Rabelo. 

Outro exemplo de povos que exerceram forte influência em Maringá são os japoneses. Os primeiros imigrantes chegaram por aqui em 1939 e nos anos seguintes a união da comunidade fundou espaços extremamente significativos para os japoneses e também para Maringá, como a Associação Cultural e Esportiva de Maringá (Acema). “No Parque do Ingá, existe o Jardim [Japonês], que inclusive o imperador [do Japão] veio inaugurar. Posteriormente, houve a ideia de se criar em Maringá um marco para os 100 anos da imigração japonesa no Brasil. Então nasceu o Parque do Japão, mais ou menos em 2005, justamente porque em 2008 era o centenário da imigração”, pontuou o jornalista e escritor Dirceu Herrero. 

Os relatos história da imigração em Maringá também tiveram colaboração de Marçal, filho de portugueses que chegaram à cidade há mais de 70 anos; Erik Pérez Ortuño, venezuelano que está a frente do Instituto Sendas, que trabalha com a integração de imigrantes; e Emmanuel Predestin, haitiano e Secretário de Juventude, Cidadania e Imigrantes.

O episódio do podcast Linha do Tempo que relembrou os imigrantes em Maringá é o oitavo capítulo da caminhada pela história da cidade. Veja os temas dos demais episódios: 

1º episódio: trajetória da Universidade Estadual de Maringá (UEM);
2º episódio: história da comunicação em Maringá;
3º episódio: desenvolvimento do comércio maringaense;
4º episódio: arborização de Maringá e a história do Parque do Ingá
5º episódio: Catedral de Maringá;
6º episódio: influência agronegócio em Maringá;
7º episódio: história do esporte em Maringá.

Sobre o podcast

O podcast “Linha do Tempo” é um dos produtos criados para celebrar a história de Maringá enquanto o município comemora 75 anos de existência. Durante todo o mês de maio e junho, o Grupo Maringá de Comunicação vai relembrar antigas memórias e lançar um olhar sobre o presente e o futuro da Cidade Canção em um projeto que abrange diferentes mídias e formatos.

O podcast, que fará um mergulho na história de Maringá por diferentes ângulos ao longo de 10 episódios, pode ser assistido no canal do Youtube do Portal GMC Online e da Maringá FM ou ouvido nas principais plataformas de streaming, como Deezer e Spotify.

Além disso, o projeto Linha do Tempo também contempla um passeio físico, no coração de Maringá. 75 banners com fotos antigas de fatos que marcaram a história maringaense foram espalhados pelo Parque do Ingá, um dos maiores símbolos do município. Além de contemplar as fotos, os visitantes podem tornar a viagem ao passado ainda mais imersiva, mergulhando em reportagens especiais do Portal GMC Online. Basta apontar o celular para o QR Code estampado no banner para ser direcionado a uma página com as matérias alusivas ao aniversário de Maringá.

A Linha do Tempo – Maringá 75 anos tem apoio cultural de Prefeitura de Maringá; Copel – Governo do Paraná; Usina Santa Terezinha e Grupo Maringá de Comunicação.

Acesse GMC Online

Quer enviar sugestão, comentário, foto ou vídeo para a CBN Maringá? Faça contato pelo WhatsApp (44) 99877 9550