Maringá vai diminuir dois anos por dia na vacinação contra o coronavírus a partir da semana que vem
Imagem Ilustrativa | Foto: Arquivo/Sesa-PR

Imunização

Maringá vai diminuir dois anos por dia na vacinação contra o coronavírus a partir da semana que vem

Saúde por Letícia Tristão em 10/06/2021 - 16:09

Com essa nova estratégia, a previsão é que até a sexta-feira da semana que vem, a vacinação esteja em 45 anos. A imunização de grávidas e puérperas também será retomada mediante declaração médica. E os motoristas do transporte coletivo vão entrar como grupo prioritário já a partir desta sexta-feira (11).

Uma mudança positiva na estratégia de vacinação contra o coronavírus em Maringá foi anunciada nesta quinta-feira (10).

A partir da próxima segunda-feira (14), a campanha de imunização para o público geral vai diminuir dois anos por dia. Ou seja, começando na segunda com 53 anos, a campanha deve terminar na sexta-feira (18), vacinando pessoas com 45 anos.

Segundo o prefeito Ulisses Maia, várias categorias de grupos prioritários vai ser encerrada essa semana, com isso a ampliação de idade vai ser possível. Além disso, será incluído o público dos motoristas do transporte coletivo de Maringá já nesta sexta-feira (11).

E a retomada da vacinação das grávidas e puérperas sem comorbidades, na segunda, será apenas mediante apresentação de recomendação médica, explica o prefeito. [ouça o áudio acima]

Apesar de haver uma preocupação com a quantidade de doses, o prefeito garante que não vão faltar vacinas pelo menos até a próxima sexta-feira (18). [ouça o áudio acima]

Ainda de acordo com o prefeito, a campanha de vacinação deve permanecer com aplicação apenas de 2ª dose aos sábados para incentivar a população. E não há intenção de vacinar aos domingos para evitar circulação de pessoas. [ouça o áudio acima]

E a idade dos trabalhadores da educação da rede básica para se vacinar vai baixar um ano a cada dia a partir de segunda-feira (14).

 

Quer enviar sugestão, comentário, foto ou vídeo para a CBN Maringá? Faça contato pelo WhatsApp (44) 99877 9550