História das Eleições em Maringá - Episódio 2

Podcast

História das Eleições em Maringá - Episódio 2

Podcast por Reginaldo Dias em 22/09/2020 - 11:05

O História das Eleições é apresentado pelo professor e historiador Reginaldo Dias. 

Ouça o segundo episódio:

Olá, pessoal, eu começo o nosso encontro de hoje com uma pergunta: quem foi o primeiro prefeito de Maringá? A resposta parece fácil, mas não é. Normalmente, as pessoas respondem que foi Inocente Vilanova Junior. Se a pergunta fosse “qual é o nome do primeiro prefeito do município de Maringá”, a resposta estaria absolutamente certa, mas a história de Maringá começou antes de sua elevação à condição de município.


Há várias formas de abordar esse passado mais remoto. Eu ofereço alguns parâmetros para vocês. Podemos dividir esse período pioneiro em quatro fases. A primeira se iniciou em 1936, quando foi criado o patrimônio de Maringá, subordinado ao município de Londrina. Para efetivar a colonização do território, logo houve o início da venda dos primeiros lotes rurais.


A segunda fase se iniciou em 1942, com a criação do núcleo urbano pioneiro, o chamado Maringá Velho. A terceira fase se inicia com a fundação oficial de Maringá, em 10 de maio de 1947. Essa data marca a liberação da venda dos lotes da área conhecida, naquela época, como “Maringá novo”, vale dizer, a área localizada da praça 7 de setembro até o antigo aeroporto. A quarta fase é marcada pela fundação e implantação do município em 1952.


Outra forma de explicar esse passado é pela definição administrativa do núcleo de povoamento. Maringá nasceu como um patrimônio ligado ao município de Londrina. Em 1944, o patrimônio passou a pertencer ao recém-criado município de Apucarana. Em outubro de 1947, Maringá se tornou distrito do recém-criado município de Mandaguari. Em 1952, finalmente, foi implantado o município de Maringá, com a eleição e a posse de Inocente Vilanova Junior.


Como patrimônio ou como distrito daqueles municípios, Maringá teve outros prefeitos. O historiador João Laércio Lopes Leal fez um levantamento completo e nos informa que Maringá havia tido, antes de Inocente Villanova Jr, 14 prefeitos. Não é demasiado explicar que cinco eram prefeitos do município de Londrina, seis eram prefeitos do município de Apucarana e três eram prefeitos do município de Mandaguari.


Por que tantos prefeitos em tão pouco tempo? A resposta é simples: de 1937 a 1945, o país viveu sob uma ditadura e depois ocorreu uma fase de transição até que houvesse eleições municipais regulares a partir de 1947. Naquele período, não havia eleição; os prefeitos eram nomeados e substituídos a qualquer tempo.


Voltando à pergunta inicial, se considerarmos a história de Maringá desde o começo e incorporarmos a fase anterior à emancipação municipal, a resposta é outra: o primeiro prefeito a exercer autoridade sobre Maringá foi Willie Davids, que havia sido eleito, em 1935, prefeito do município de Londrina.


Willie Davids era um homem forte da Companhia de Terras do Norte do Paraná, que colonizou a nossa região. Hoje, como todos sabemos, Willie Davids tem seu nome homenageado no estádio municipal de Maringá.


Eu paro aqui e marco encontro com vocês para falar, em nosso próximo programa, sobre a eleição dos nossos primeiros vereadores na Câmara Municipal de Mandaguari.


Para consulta

Prefeitos de Londrina com jurisdição sobre o patrimônio de Maringá:

Willie Davids (1936-40), Capitão Custódio Raposo (1940), João Ferrário Lopes (1940-41), Major Miguel Blasi (1941-43), Achiles Ferreira Pimpão (1943).

Prefeitos de Apucarana (município criado pelo Decreto-Lei 199, de 30 de dezembro de 1943 e instalado em 28 de janeiro de 1944) com jurisdição sobre o patrimônio de Maringá:

Tenente Luís José dos Santos (1944-45), Wilson Franco Lucena (1945-46), João Batista Alberto Gnoato (abril a outubro de 1946), João Batista Cardoso (outubro a novembro de 1946), Hélio Boneto (novembro de 1946 a abril de 1947), Adelino Honório Correia (abril a outubro de 1947).

Prefeitos de Mandaguari (município criado pela Lei n. 2, em 10 de outubro de 1947) na fase distrital de Maringá: Ary da Cunha Pereira (outubro a dezembro de 1947), Décio Pullin (1947-51) e Antônio Sinézio da Cruz (1951-52).