Caixa abre para pagar auxílio emergencial e agências têm filas enormes
Foto: Luciana Peña/CBN Maringá

Neste sábado (2)

Caixa abre para pagar auxílio emergencial e agências têm filas enormes

Cidade por Luciana Peña em 02/05/2020 - 09:37

Muitos  beneficiários relatam problemas com o aplicativo. E muita gente vem de pequenas cidades da região, onde o dinheiro parou de circular e caixas eletrônicos e lotéricas estão sem recursos.


 Ouça a reportagem completa:

Para milhões de brasileiros, o auxílio emergencial do Governo Federal é  a única renda neste momento de pandemia. Por isso, os beneficiários têm pressa e correm às agências da Caixa para sacar o dinheiro. 

Neste sábado, agências estão abertas para pagar o benefício e ajudar quem não conseguiu ainda nem baixar o aplicativo. 

Um ouvinte da CBN enviou um vídeo da fila na agência central da Caixa em Sarandi. A fila é tão grande que não se enxerga o final dela.

Em Maringá, uma das maiores filas é a da agência da Pedro Taques. Mas todas as agências sem exceção têm filas. Em Maringá funcionam neste sábado as agências da Avenida Santos Dumont, da Avenida Getúlio Vargas, a da Pedro Taques, a agência do Avenida Center, da Kakogawa e Mandacaru.

Na agência da Getúlio Vargas, o primeiro da fila foi o Edson Teodoro.

O Elias Zucom chegou praticamente junto com o Edson, ainda era de madrugada.

A Sônia Ribeiro ainda não conseguiu acessar o aplicativo para receber o dinheiro. O marido e o filho dela acordam cedo para tentar o cadastro online, mas não conseguem. 

Luiz Carlos Santos tem conta na Caixa e foi informado que o dinheiro está disponível, mas não conseguiu sacar.

Sem renda,  Jociel Nunes faz bico de pedreiro. Ele é nascido em maio e ainda não conseguiu sacar o auxílio emergencial. 

Na fila há também moradores da região. Cidades pequenas sem agência da Caixa, com apenas uma lotérica e onde não tem mais dinheiro nem para pagar o benefício dos aposentados. 

Em Floraí, a Miriam Carias diz que os aposentados fazem fila para receber o dinheiro, mas as lotéricas não conseguem pagar. 

A Miriam veio a Maringá para receber o auxílio emergencial e diz que vai voltar só no final da tarde, porque depende de ônibus intermunicipal.

A prima da Miriam, Sandra Carias está na mesma situação. 

Em Doutor Camargo, não é diferente. Lá não tem agência da Caixa e a lotérica diz que sem circulação de dinheiro no comércio, também não pode pagar o benefício do auxílio emergencial. O jeito para o Josias Nunes foi vir a Maringá.

As agências estão abertas neste sábado das 8h às 14h. Os nascidos em setembro e outubro já podem sacar o benefício. Os nascidos em novembro e dezembro terão que esperar a terça-feira, dia 5.

Atualizado às 11h54- O prefeito de Floraí, Fausto Herradon, informou que realmente a lotérica da cidade está sem dinheiro e por isso não pagou benefícios esta semana, mas na semana que vem a situação será normalizada.

 


Ao sair de casa, USE máscara. Clique aqui e saiba por que ela é importante