Testemunhas finalizaram o depoimento
Luciana Peña/CBN Maringá

Caso Sevilha

Testemunhas finalizaram o depoimento

Por Victor Simião em 24/08/2019 - 10:57

Contrariando expectativas, todas falaram nesta sexta-feira (230 e madrugada de sábado (24). Julgamento deve retornar com leitura de peças e interrogatório dos réus.

Player Ouça a reportagem

Julgamento deve retornar com a leitura de peças e o interrogatório dos réus. Durante essa sexta-feira (23), as últimas três testemunhas de acusação e as quatro de defesa foram ouvidas. A informação é de que elas foram ouvidas até o início da madrugada deste sábado. Agora, o julgamento deve ser retomado ao meio dia. No momento, o que deve acontecer é a leitura de peças e interrogatório dos réus.

A leitura das peças é a leitura de material solicitado pela procuradoria (Ministério Público Federal) e defesa para dar um aspecto geral sobre o que aconteceu.

Depois, os réus serão interrogados. A previsão é que os debates entre acusação e defesa ocorra no domingo (25).

O julgamento do assassinato de José Antônio Sevilha ocorre desde terça-feira (20). Ele foi morto a tiros em 2005, aos 45 anos. Cinco pessoas foram denunciadas. Três homens se tornaram réus.

Estão sendo julgados o empresário Marcos Gottlieb, proprietário de uma empresa que estava sendo investigada pelo auditor e apontado como mandante do crime; Fernando Ranea, que seria o executor; e Moacyr Macêdo, que teria aproximado os dois. Outros dois homens foram indiciados, porém um nunca foi localizado e outro morreu durante cumprimento de pena pelo crime de sequestro. Os réus são acusados pelo crime de homicídio qualificado, e a pena varia de 12 a 30 anos de reclusão. O empresário Marcos Gottlieb está preso preventivamente desde maio deste ano.

Sevilha investigava a empresa Gemini, uma importadora de brinquedos, que tinha dívidas milionárias com a Receita Federal.

As defesas dizem que os réus são inocentes.

Notícias Relacionadas

Notícias da mesma editoria