Sistema pode permitir a abertura de uma empresa em dois dias ou menos
Foto: Luciana Peña/CBN Maringá

Redesim

Sistema pode permitir a abertura de uma empresa em dois dias ou menos

Por Luciana Peña em 15/07/2019 - 10:56

A Redesim, Rede Nacional para a Simplificação do Registro e da Legalização de Empresas e Negócios, foi criada com base na Lei Geral da Micro e Pequena Empresa em 2016. Naquela época, o tempo médio para a abertura de uma empresa no país passava de cem dias, de acordo com o ranking Doing Business. Com a Redesim, este tempo caiu bastante. A expectativa é que chegue em média a dois dias para atividades de baixo risco e cinco dias para atividades de alto risco. Em Paiçandu, uma empresa de baixo risco pode ser aberta em 24 horas. Paiçandu foi uma das primeiras cidades do Paraná a implantar a Redesim, diz Samuel Gabriel, supervisor do cadastro de tributos da prefeitura.

Player Ouça Samuel Gabriel

Para reduzir o tempo médio de abertura de uma empresa em todo o Paraná, a Redesim está treinando os servidores e gestores que acessam o sistema. Nesta segunda-feira(15) foi realizado um treinamento no Sebrae em Maringá.  Wendel Gussoni, gestor do Sebrae, diz que aqui na região quase todas as cidades estão integradas à Redesim.

A Redesim integra desde o fiscal da vigilância sanitária ao bombeiro, e por aí adiante. Quando o cidadão apresenta o pedido de abertura de empresa, não precisa bater perna protocolando documentos nas diversas repartições. Daí a estimativa de que cada vez será mais fácil abrir, manter e fechar uma empresa no Brasil, diz Anberson Bezerra da Silva, coordenador de Políticas Públicas do Sebrae.

A implantação da Redesim no Paraná é uma parceria da Junta Comercial e do Sebrae.

Notícias da mesma editoria