Quatro ‘ondas’ de pacientes vão impactar a saúde nos próximos meses
Corredor do Hospital Universitário de Maringá - Foto: Assessoria de Comunicação UEM/Divulgação

Pandemia

Quatro ‘ondas’ de pacientes vão impactar a saúde nos próximos meses

Saúde por Luciana Peña em 21/05/2020 - 14:30

 Uma das ondas são os pacientes que se recuperaram da Codid-19, mas vão precisar de assistência médica por mais tempo.

Depois de 50 dias internado na UTI, um dos primeiros pacientes do Hospital Municipal de Maringá com Covid-19 voltou para casa esta semana. 

Mas a doença castigou tanto o economista Eudes Januário, ex-secretário municipal, que ele ainda não consegue andar. 

O secretário de Saúde Jair Biatto, que é médico intensivista, acompanhou o paciente de perto.[ouça no áudio acima]

O caso de Eudes é emblemático. Ele representa um grupo de pacientes que vão impactar indiretamente o serviço de saúde. Quatro ondas de pacientes estão impactando  ou vão impactar o serviço público e privado.

São pessoas que vão precisar de atendimento médico em consequência indireta da Covid-19. [ouça no áudio acima]

A orientação é que as pessoas se cuidem e procurem ajuda especializada sempre que precisar.


Ao sair de casa, USE máscara. Clique aqui e saiba por que ela é importante.