Procon multa distribuidoras em R$ 500 mil
Foto: PMM

Maringá

Procon multa distribuidoras em R$ 500 mil

Economia por Victor Simião em 26/08/2019 - 13:09

Ao todo, quatro empresas que repassam combustíveis foram multadas. A informação foi divulgada nesta segunda-feira (26) pela Prefeitura de Maringá, mas os nomes foram omitidos. Segundo o Procon, elas foram multadas porque não apresentaram as notas fiscais de venda aos postos.

O trabalho faz parte da investigação para apurar o motivo de os preços dos combustíveis em Maringá serem mais caros que em outras cidades.

Segundo a Prefeitura, “16 empresas distribuem para o estado o combustível da refinaria da Petrobras de Araucária. Pelo princípio da isonomia não podem comercializar o produto com valores diferentes para as revendedoras. Das notas analisadas, a distribuição mantinha os mesmos preços dos produtos aos municípios”.

Nos últimos dias, o Procon fiscalizou a bomba de postos de combustíveis. Quatro bicos foram lacrados.