Prefeitura assume metade da coleta com presos do semiaberto
Arquivo/CBN Maringá

Paiçandu

Prefeitura assume metade da coleta com presos do semiaberto

Por Luciana Peña em 08/01/2019 - 10:23

Previsão é que em breve, após equilíbrio do caixa, a coleta de lixo em Paiçandu seja toda terceirizada.

Player Ouça a reportagem

A prefeitura de Paiçandu renovou o contrato de coleta de lixo com uma empresa privada. Mas a empresa que era responsável por recolher o lixo de toda a cidade, agora faz 50% do serviço. A redução do contrato foi uma medida de economia. A prefeitura precisa reduzir gastos para o equilíbrio do caixa, diz o secretário de Meio Ambiente Renato Silva.

A outra metade da coleta voltou a ficar por conta da prefeitura com servidores municipais para dirigir os caminhões e presos do semiaberto que trabalham como garis.

A coleta está normal e mais para a frente pode voltar a ser toda terceirizada.

O contrato da prefeitura com a empresa era de um milhão de reais por ano. O secretário diz que a economia com a renovação do contrato foi expressiva. Mas ele não sabe os números exatos.

Notícias Relacionadas

Notícias da mesma editoria