Imposto sobre bens e serviços reduz a desigualdade na cobrança de tributos
Deputado Federal Hildo Rocha (Foto: camara.leg.br)

Reforma tributária

Imposto sobre bens e serviços reduz a desigualdade na cobrança de tributos

Por Gilson Aguiar em 06/08/2019 - 13:48

Os impostos sobre o consumo no país pesam mais sobre o pobre do que sobre o rico, A PEC 45, reforma tributária que está na Câmara Federal, propõe um imposto mais transparente e justo diz o deputado federal pelo MDB Hildo Rocha, presidente da Comissão Especial da Reforma Tributária. A proposta também reduz o custo do recolhimento de impostos no país, o que se reflete em preços menores ao consumidor. E os contribuintes com renda de até dois salários mínimos vão receber de volta os impostos pagos em produtos da cesta básica. As empresas  serão beneficiadas porque não terão o custo de decifrar o emaranhado de legislações. E o IBS também promete acabar com a guerra fiscal entre os estados.

Player Ouça a entrevista

Esta entrevista faz parte de uma série que a CBN Maringá inicia abordando temas de relevância para o país, as áreas que precisam de reformas urgentes, o que o Brasil precisa para destravar a economia, crescer, reduzir desiguldades.  

Notícias da mesma editoria