Gilson Aguiar: 'caminhoneiros, sinal de força'
Antonio Cruz/Agência Brasil

Comentário

Gilson Aguiar: 'caminhoneiros, sinal de força'

Por Gilson Aguiar em 25/05/2018 - 08:19
Player Ouça o comentário

A manifestação realizada pelos caminhoneiros em vários estados brasileiros mostra a força da categoria. Alerta para diversos problemas que o país atravessa. Os motoristas têm uma condição de trabalho precária. Longas jornadas, condições desumanas. Muitos tomam drogas ilícitas para poder dirigir durante horas e ter um rendimento mínimo, em média, de quatro salários. Eles têm o direito de se manifestar.

O Governo Federal fez uma proposta para suspender o movimento que chega ao quinto dia. Zerar a Cide, um dos impostos que incide sobre os combustíveis, até o final do ano. Também propôs reduzir em 10% o preço do diesel até o final do ano. Em troca, o governo pede a suspensão do movimento por 15 dias. A proposta é generosa, os sindicatos que representam os motoristas assinaram o acordo, agora resta saber se os caminhoneiros vão aceitar.

O que se nota é um desprendimento entre os manifestantes e os sindicatos que representam a categoria. Isto é um ponto importante. Nem sempre o negociado será aceito. O país amanheceu com a indagação: “Será que os bloqueios irão se desfazer?”. No Paraná, mais de 40 pontos de paralisação continuam.

O país ressente da falta do transporte rodoviário. Vários setores já contabilizam os prejuízos, alguns deles irreversíveis. Os motoristas são uma peça importante na cadeia de produção da vida. Há uma força implacável na manifestação. Temos que aprender com isso. A mudança pode vir de baixo para cima. O governo não esperava tanto efeito de uma paralisação em tão pouco tempo. Professores em greve não geram tanta percepção imediata dos efeitos e importância.

Claro que temos que entender que os caminhoneiros são vitais e sua ação tem efeitos imediatos. Muitas profissões têm sua importância social. Nem todas percebidas de forma tão direta como os motoristas. Porém, há um sinal de que a força social gera efeitos. Isto é importante. Uma lição a ser aprendida.

Noticias Relacionadas