Operação Ninja cumpre mandados em Maringá e região contra fraude em financiamentos
Foto: Agência Brasil

Investigação

Operação Ninja cumpre mandados em Maringá e região contra fraude em financiamentos

Segurança por Letícia Tristão em 20/05/2022 - 08:24

 É mais um desdobramento da Operação Acesso Soturno da Polícia Federal, que investiga o roubo à casa de uma servidora da Justiça Federal de Maringá. O mesmo grupo também é investigado por roubo de caminhões carregados com cigarros contrabandeados e drogas.

A Polícia Federal de Maringá deflagrou a Operação Ninja na manhã desta sexta-feira (20). Vinte policiais estão nas ruas cumprindo cinco mandados de busca e apreensão e dois mandados de prisão preventiva expedidos pela Justiça de Curitiba. Os mandados são cumpridos em Maringá e Mandaguaçu.

De acordo com a PF, a operação tem o foco de desarticular uma organização criminosa responsável por pelo menos três financiamentos fraudulentos de veículos.

A operação é mais uma derivada da Operação Acesso Soturno, de dezembro do ano passado, que apura o roubo à residência de uma servidora da Justiça Federal de Maringá. As investigações apontaram que o mesmo grupo criminoso realizava manobras de fraudes em financiamentos em nomes de laranjas. Segundo a Polícia Federal, nessas três fraudes, a organização criminosa obteve R$ 256 mil.

Os suspeitos podem responder por crime contra o sistema financeiro nacional e organização criminosa. A Operação Ninja é a terceira derivada da Operação Acesso Soturno, as outras duas, Operação Século e Operação Cannabis Furari foram deflagradas também este mês, contra o mesmo grupo responsável pelo roubo de caminhões carregados com cigarros contrabandeados e drogas, conforme a PC.

Quer enviar sugestão, comentário, foto ou vídeo para a CBN Maringá? Faça contato pelo WhatsApp (44) 99877 9550