Maringá é a única cidade do país em que shoppings estão proibidos de abrir nos fins de semana
Imagem ilustrativa/foto: Michal Jarmoluk/Pixabay

Comércio

Maringá é a única cidade do país em que shoppings estão proibidos de abrir nos fins de semana

Economia por Luciana Peña em 03/12/2020 - 11:13

A informação está num levantamento feito pela Abrasce, Associação Brasileira de Shoppings Centers. E os fins de semana que antecedem o Natal representam até 25 dias de venda de um mês normal. Os lojistas estão revoltados e vão protestar em frente à prefeitura. 

Ouça a reportagem:

Na tarde desta quinta-feira, lojistas de shoppings centers vão para a frente da Prefeitura de Maringá protestar contra o decreto municipal que proíbe o funcionamento das lojas nos dois próximos fins de semana.

Eles têm em mãos um levantamento feito pela Abrasce, Associação Brasileira de Shoppings Centers, que aponta que Maringá é a única cidade do país em que os shoppings vão fechar nos fins de semana do mês mais importante para as vendas no ano.

O Brasil tem 577 shoppings. Em Curitiba a decisão foi convocar os lojistas para uma reunião recomendado mais rigor no cumprimento dos protocolos. O mesmo aconteceu nos estados de Alagoas, Ceará, Rio de Janeiro e Rio Grande do Norte.

Em Minas Gerais, só não estão autorizados cinemas e atividades de lazer, mas os shoppings estão funcionando nos fins de semana.

Em São Paulo, há restrição de público: 40% da capacidade. E por aí afora.

O presidente do Sindesc, Sindicato que representa shoppings varejistas e atacadistas de Maringá, Max Silvestrelli, diz que é consenso que quanto menos tempo para as compras, mais os consumidores irão se arriscar em aglomerações e filas.

A quinta e a sexta-feira, por exemplo, serão impactadas com o fechamento dos shoppings aos sábados e domingos.

O empresário diz que os lojistas se prepararam para as vendas nos fins de semana de dezembro, reforçando os estoques. O setor acredita que o aumento de casos é resultado da campanha eleitoral. E reforça que os shoppings são seguros.

A prefeitura informou que por enquanto não vai se manifestar sobre o assunto.

 

Atualizado às 13h10 - A manifestação dos funcioonários e lojistas de shoppings em frente à prefeitura foi adiada para essa sexta-feira (4). 

Quer enviar sugestão, comentário, foto ou vídeo para a CBN Maringá? Faça contato pelo WhatsApp (44) 99877 9550