Empresário é multado em R$ 20 mil por corte irregular de cinco árvores
Divulgação/Semusp

Multa

Empresário é multado em R$ 20 mil por corte irregular de cinco árvores

Meio Ambiente por Carina Bernardino em 08/03/2019 - 15:40

Em fevereiro a UEM também foi autuada pela Sema em R$ 28,5 mil devido a extração de 13 espécies. Em ambos os locais, houve o plantio referente as árvores removidas.

Após denúncia anônima, a Secretaria do Meio Ambiente de Maringá e Bem-Estar Animal constatou o corte irregular de cinco árvores da espécie Tipuana em frente a um posto de combustível localizado na zona norte da cidade. O proprietário foi multado nesta semana em R$ 20 mil reais, sendo R$ 4 mil por cada árvore extraída sem autorização da prefeitura. Nos locais onde ocorreram as podas irregulares foram plantadas outras espécies, de acordo com o novo Plano de Arborização de Maringá. O plantio foi feito por servidores da Semusp – Secretaria de Serviços Públicos, segundo o titular da pasta, Vagner Oliveira.

Segundo a Sema, o dono do posto de combustível terá 30 dias para pagar a multa, caso contrário, o valor será inscrito em dívida ativa e irá para cobrança judicial.

Este é o segundo caso neste ano de corte irregular de árvores na cidade. O primeiro ocorreu na Universidade Estadual de Maringá. No final de janeiro, a Sema foi comunicada que 13 árvores foram extraídas sem autorização do Parque Ecológico do campus. No dia 15 de fevereiro, a universidade foi autuada em R$ 28.500 por causa da extração. No entanto, a UEM tem prazo de 30 dias para se defender e a defesa ainda não foi feita.

Divulgação/Semusp
Divulgação/Semusp