Criminosos se aproveitam do isolamento domiciliar para aplicar golpe
Imagem ilustrativa/Foto: Cleber França

Maringá

Criminosos se aproveitam do isolamento domiciliar para aplicar golpe

Segurança por Portal GMC Online em 27/03/2020 - 15:45

Golpistas se aproveitam da fragilidade das pessoas durante a pandemia de Covid-19 para aplicar golpes em Maringá. Uma cliente de um banco público da cidade por muito pouco não caiu no golpe, segundo o delegado Luiz Alves, da 9ª Subdivisão Policial de Maringá.

Alves contou que os criminosos ligaram para o celular da cliente do banco, que está em isolamento domiciliar, para perguntar se ela reconhecia uma grande compra que estava sendo feita com o seu cartão de crédito, em São Paulo.

A mulher disse que não reconhecia a compra e ficou desesperada. Os suspeitos pediram para que ela entrasse em contato imediatamente com a central de segurança do banco, fornecendo um número falso a ela.

Ao ligar para a suposta central, a cliente contou à polícia que foi atendida como se fosse pelo banco mesmo e, ao falar com um atendente, ele confirmou todos os seus dados como número de CPF, RG, nome do pai, da mãe e endereço.

O atendente disse para a vítima que o cartão tinha sido bloqueado por conta de a agência estar fechada por causa da pandemia de coronavírus um motoboy iria buscá-lo para fazer a destinação correta do cartão. O suspeito ainda pediu que ela escrevesse uma carta solicitando o cancelamento do cartão.

“Momentos depois, chega em sua casa um suposto funcionário do banco, uniformizado e de máscaras, para recolher o envelope com o cartão cortado ao meio e a carta. Muito assustada, a cliente entra em contato com parentes para comentar e é orientada a ligar para o banco. Só então descobre que havia caído num golpe. Felizmente ela não havia fornecido as letras do saque e deu tempo de cancelar tudo, sem sofrer nenhum prejuízo”, disse o delegado Luiz Alves.

O delegado registrou o boletim de ocorrência e está investigando o caso. Alves pede para que a população fique atenta neste momento porque vários golpistas estão aproveitando desse momento de fragilidade das pessoas frente a pandemia de coronavírus para aplicar golpes.

Outro golpe parecido foi praticado esta semana em Maringá, mas no outro caso os criminosos conseguiram somente os dados do cartão de crédito da vítima e não pediram para buscar o cartão em casa. A vítima desconfiou e bloqueou o cartão.

“Não tem erro gente. Não forneça números de cartão por telefone, não passe dado algum porque eles estão ligando e falando que foi feita uma compra grande no cartão e que precisam fazer o cancelamento”, complementou o delegado.

 

Por: Fábio Guillen/GMC Online