Samu e Bombeiros começaram a trabalhar integrados em Maringá
Luciana Peña/CBN Maringá

Complexo regulador

Samu e Bombeiros começaram a trabalhar integrados em Maringá

Por Luciana Peña em 10/10/2018 - 09:30

O complexo regulador inaugurado nesta quarta-feira (10) dá mais rapidez e qualidade ao atendimento e reduz custos. 

Player Ouça a reportagem

Quando acontece um acidente ou chega um chamado de socorro de alguém que está passando mal, Samu e Bombeiros são acionados. Começa um processo de comunicação para saber quem vai atender: a ambulância do Samu ou a do Bombeiros. Tem que ser tudo muito rápido porque as vítimas não podem esperar. A partir desta semana essa comunicação está muita mais rápida em Maringá. Começou a funcionar o complexo regulador que reúne num mesmo local, o quartel dos bombeiros, os atendentes, médicos, bombeiros e ambulâncias. Na central um sistema de monitoramento informa onde estão as ambulâncias em deslocamento. Quando chega um chamado, o médico avalia a situação das vítimas pela primeira informação que recebe e decide qual a ambulância irá, de suporte avançado ou não. No sistema de monitoramento é possível saber qual a ambulância está mais perto do local do chamado e o socorro é enviado. O coordenador do complexo, o médico Mauricio Lemos diz que além de agilidade a integração garante redução de custos.

O complexo regulador foi inaugurado nesta quarta-feira.