Religiões em Maringá são tema de documentário
Foto: Divulgação

Religiões em Maringá são tema de documentário

Cultura por Victor Simião em 28/11/2019 - 17:36

O filme “Gente de Toda Fé” foi produzido por meio do prêmio Aniceto Matti. Ao longo de 70 minutos, a fé é vista de várias formas: sentido de vida, e também a invisibilidade.

É muito comum andar por Maringá e ver igrejas evangélicas e católicas. Mas o município também tem espaços para o espiritismo, candomblé e outras manifestações religiosas. Nem tudo é visto - por uma série de motivos, como preconceito ou desinteresse. 

A diversidade religiosa motivou a psicóloga Lucia Cecilia da Silva a produzir o documentário “Gente de Toda Fé”, com direção de José Luiz de Souza.

Com 70 minutos, o filme apresenta as várias formas da fé em Maringá: como algo que dá sentido à vida e à morte, conforto. É uma forma de compreender o outro e eliminar preconceitos, diz a produtora Lucia Silva.

Foram mais de 30 horas de gravação. Seis tipos de religiões foram abordadas. A de matriz africana foi o candomblé. 

A produção foi feita por meio do prêmio Aniceto Matti, da Prefeitura de Maringá. O filme deve ser disponibilizado na internet no ano que vem. 

“Gente de Toda Fé” será exibido gratuitamente nesta quinta-feira (28). É no Teatro Reviver, a partir das 20h. A entrada é gratuita e não há classificação indicativa.