Reforma administrativa, gestão e política
CBN Maringá

O Assunto é Política

Reforma administrativa, gestão e política

Por Diniz Neto em 05/11/2018 - 10:00

Hoje, dia 5 e novembro.

 

SECRETARIA DA MULHER

Retomando. No começo da noite de quinta-feira Aracy Adorno Reis publicou no seu perfil, no Facebook, que havia sido exonerada do cargo de secretária da Mulher.

A Prefeitura não emitiu nota sobre a exoneração.

A secretária, no seu Facebook, afirma que a exoneração teve motivos políticos, mas não explica quais seriam esses motivos.

Ela foi exonerada após retornar de férias, sem prévio aviso.

O comunicado da exoneração foi feito pelo secretário de Gestão, Rogério Calazans.

No perfil de Aracy, representantes do Conselho da Mulher e do Fórum Maringaense de Mulheres postaram notas elogiando o seu trabalho e repudiando a exoneração.

Muitas pessoas também comentaram. Há inclusive comentários sobre “uma guinada do prefeito à direita”.

Na semana passada circulou um vídeo dizendo que as secretarias da Mulher e do Meio Ambiente seriam entregues ao controle dos vereadores Alex Chaves e Flavio Mantovani.

Agora é esperar quem assumirá a Secretaria da Mulher e se haverá mudança na Secretaria do Meio Ambiente. Só depois disto, de saber quem será nomeado, poderá ser feita uma análise sobre isto.

Por outro lado, o prefeito tem direito e até dever de fazer mudanças na equipe, sempre que considera que isto é importante.

A ex-secretária tem a sua versão e foi inclusive ousada, pois saiu atacando.

É preciso conhecer mais detalhes sobre a Secretaria, as prioridades estabelecidas, o ambiente da equipe, os resultados alcançados.

Há alguns dias temos falado que haverá uma reforma administrativa na Prefeitura de Maringá. Outras exonerações virão.

Vamos acompanhar.

 

 

 

SECRETÁRIO DE INOVAÇÃO E DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO

Na semana passada recebi informações, de mais de uma fonte, de que o secretário de Inovação e Desenvolvimento Econômico, Francisco Favoto, teria colocado seu cargo à disposição.

No entanto duas pessoas ligadas a ele fizeram contato e me falaram que o secretário ficou surpreso com a informação. Ele nega que tenha colocado o cargo à disposição.

Portanto, registro aqui que, segundo Francisco Favoto, o cargo não foi colocado à disposição.

O que se sabe e é incontestável, é que o secretário enfrenta, a algum tempo, problemas na equipe e não tem conseguido fazer as mudanças que gostaria. Os atritos e divergências são públicos.

ADINISTRAÇÃO PÚBLICA

Se administrar uma empresa já é difícil, o que dizer da administração pública?

Mais ainda, o que dizer de Maringá, a terceira cidade mais populosa do Paraná, uma das60 maiores cidades do Brasil?

Quando elegemos um prefeito, entregamos a ele o direito de gerir a cidade.

O que der certo será creditado a ele. O que der errado também.

As pessoas não cobram os problemas do secretário. Eles são atribuídos ao prefeito.

Portanto, a responsabilidade da cidade é do prefeito.

Ele precisa saber o que está acontecendo e agir para resolver os problemas. Esta é a sua missão.

Maringá sempre teve muitos problemas. Não é diferente de nenhuma outra cidade no Brasil e no mundo. O segredo é que conseguiu encontrar um modelo que a fez resolver os problemas melhor do que as outras cidades.

Os desafios de administra Maringá são do mesmo tamanho dos seus problemas e do seu potencial.

A avaliação é feita e sempre será feita pela população, pelas pessoas.

Razão maior do poder público. Uma cidade só tem sentido se o objetivo for melhorar a qualidade de vida das pessoas.

Vamos torcer para que Maringá encontre soluções, corrija problemas e seja a cidade que a sua população deseja e merece.

Player Ouça o boletim