Projeto Motovida se torna permanente em Maringá
Carina Bernardino/CBN Maringá

Condução Defensiva

Projeto Motovida se torna permanente em Maringá

Em 25/09/2019 - 16:57

Pela iniciativa, motocilistas serão capacitados em condução defensiva. Objetivo é reduzir acidentes de trânsito com mortes.

Player Ouça a reportagem

Após inúmeros testes, o projeto Motovida se tornou permanente no município. O lançamento oficial da iniciativa ocorreu nesta quarta-feira (25), como encerramento da Semana Nacional do Trânsito. A Semob (Secretaria de Mobilidade Urbana de Maringá) vai capacitar motociclistas em condução defensiva por meio de parcerias. Serão oito horas aulas gratuitas, explica o gerente de Educação para o Trânsito, Rafael Martins. 

As aulas irão ocorrer na sede do órgão e no estacionamento do Estádio Willie Davids, ao lado do Ginásio Valdir Pinheiro. Nesta quarta-feira (25), os capacitados foram oito servidores públicos. César Rosenildo Alves não usa a motocicleta de forma profissional, mas valorizou os conhecimentos adquiridos. 

Para o agente fiscal Reinaldo de Oliveira, que já sofreu acidentes de trânsito, as aulas são de extrema importância, principalmente diante das últimas estatísticas de trânsito da cidade.

Até setembro deste ano, 30 pessoas perderam a vida no trânsito maringaense. A maior parte delas era homem de até 25 anos. Em 2018, no mesmo período, foram 33 mortes, segundo a Polícia Militar. O Comandante do Pelotão de Trânsito da PM, tenente Rodrigo Walesco, lembra que a maior parte das vítimas estava em motocicletas. 

Outras informações sobre o projeto Motovida pelo telefone da Semob: 3221 8516.

Notícias da mesma editoria