No home office, os ataques cibernéticos dispararam
Imagem Ilustrativa/Pixabay/Domínio Público

Trabalho

No home office, os ataques cibernéticos dispararam

Tecnologia por Luciana Peña em 31/10/2020 - 09:53

Embora muitos profissionais já estejam de volta ao ambiente corporativo, há ainda trabalhadores em home office. Especialistas explicam o que fazer para se proteger.
 

 

O home office não foi planejado. Com o isolamento social, muitos profissionais tiveram pouco tempo para se adaptar ao trabalho remoto.

Medidas de segurança na internet que são corriqueiras nas empresas, foram aos poucos migrando para o ambiente doméstico.

O problema é que ao mesmo tempo em que a pandemia trouxe essa mudança ela também deu o mote para golpes virtuais que proliferaram na rede de computadores.

A empresa de segurança digital Kapersky calcula que houve um aumento de 300% nos ataques cibernéticos após o mês de abril.

O professor de análise e desenvolvimento de sistemas Wagner Rodrigues cita os mais comuns.

Embora muitos profissionais estejam de volta ao ambiente corporativo, onde o nível de segurança é maior, ainda há trabalhadores em home office, principalmente os considerados grupos de risco. Por isso é importante ficar atento às dicas de segurança.

O phishing é a chamada pescaria, invasão do dispositivo eletrônico para a captura de dados como senhas.

 

Quer enviar sugestão, comentário, foto ou vídeo para a CBN Maringá? Faça contato pelo WhatsApp (44) 99877 9550