Hospital faz simulação de incêndio em Maringá
Carina Bernardino/CBN Maringá

Segurança

Hospital faz simulação de incêndio em Maringá

Por Carina Bernardino em 11/01/2019 - 10:03

60 funcionários participaram do plano de abandono de prédio. Alguns são brigadistas, outros ajudam como socorristas e pacientes. Nesta semana, em Londrina, pacientes tiveram que ser transferidos de um hospital após foco de incêndio

Player Ouça a reportagem

Todos os anos brigadistas da Santa Casa de Maringá participam de formação de combate a incêndio. A última capacitação encerrou há dois meses e para colocar em prática os conhecimentos adquiridos, nesta sexta-feira (11) os funcionários participaram de uma simulação de abandono de prédio. A coordenadora do SESMT - Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho, Carla Rodrigues Pereira diz que a simulação contou com brigadistas e voluntários do hospital.

Entre os cinco pacientes transferidos da Ala Santo Agostinho, estava o Natécio Pereira Melo. Ele é técnico de enfermagem e na simulação, foi vítima. O socorro dele foi feito por escadas.

O médico Hugo Caniver acompanhou a transferência de pacientes da ala onde foi simulado o incêndio.

A simulação de retirada dos cinco pacientes dos dois quartos com focos de incêndio da Santa Casa de Maringá demorou 25 minutos. Na próxima simulação, o objetivo será reduzir este tempo.

Na última quarta-feira (9), em Londrina, 14 pacientes do Hospital do Coração tiveram que ser transferidos após foco de incêndio em uma das alas. Por isto a importância de todos os hospitais estarem preparados para atuar em situações de emergência.

Notícias da mesma editoria