‘Fogo controlado’ é uma das principais causas de incêndios ambientais
Incêndio no Conjunto Itaparica (Foto: Corpo de Bombeiros)

Tempo seco

‘Fogo controlado’ é uma das principais causas de incêndios ambientais

Por Luciana Peña em 30/07/2019 - 12:04

No último domingo os bombeiros atenderam 11 casos. A maioria deles começa quando um morador põe fogo numa pequena quantidade de lixo acreditando que vai conseguir controlar as chamas.

Player Ouça

Os meses mais secos do ano, e agosto é um deles, trazem um maior risco de incêndio ambiental. Pois agosto nem começou e os bombeiros já estão tendo muito trabalho para combater estes incêndios que se alastram rapidamente. No último domingo, e só em Maringá, foram 11 casos. O que chama a atenção é que os incêndios são na maioria provocados pela ação humana. É o chamado ‘fogo controlado’, explica o subtenente Amilton Santana. O cidadão junta um monte de folhas secas, de galhos, ou outro tipo de material e coloca fogo para queimar tudo. E acha que as chamas não vão sair do controle. Mas saem, e se expandem para fundos de vale colocando em risco a vida das pessoas.

Há outras situações também, que as pessoas nem imaginam o perigo e que podem acabar em incêndio ambiental. Foi o que aconteceu com um morador que estava queimando um fio para retirar cobre.  

Reforçando o alerta dos bombeiros a fogo controlado ou queimada é crime ambiental. E as denúncias devem ser feitas pelo 156.

Notícias da mesma editoria