Espetáculo “Na Pele” desmistifica questões LGBT+
Foto: Divulgação/"Na pele"

Arte

Espetáculo “Na Pele” desmistifica questões LGBT+

Por Victor Simião em 18/04/2019 - 17:08

Segundo diretor, objetivo é mostrar lados não retratados na mídia. Apresentação ocorre nesta sexta-feira (19), no projeto Convite ao Teatro.

Player Ouça a reportagem

Em 2017, quando ainda estava estudando Artes Cênicas, o ator e diretor Leonardo Fabiano pensou o seguinte: a comunidade LGBT+ é estereotipada na mídia tradicional. Casais homoafetivos ou são fofos ou são depressivos e odiados pela sociedade. Por conta disso, ele criou o espetáculo “Na Pele”, que já foi apresando algumas vezes e agora volta aos palcos. Nesta sexta-feira, às 20h, no Teatro Barracão, a peça é apresentada no Covite ao Teatro. A entrada é gratuita

Ao longo do espetáculo, temas como relacionamentos e a vida no dia a dia são encenados – propondo questões que apontam para complexidade da vida em uma sociedade que tem preconceitos contra a população LGBT+.

Dois atores encenam. Um gay e uma travesti.

Para o diretor Leonardo Fabiano, a arte é uma ferramenta para lutar contra preconceitos e apresentar o posicionamento das minorias.

Para além da questão do texto ou mesmo da atuação, há aspectos visuais da peça que subverte o que está posto, diz o diretor.

Notícias da mesma editoria