Após sete anos, aparelhos de ar-condicionado são instalados no IEEM
Sala de aula do Instituto de Educação Estadual de Maringá/Foto: Divulgação

Em 26 salas

Após sete anos, aparelhos de ar-condicionado são instalados no IEEM

Por Carina Bernardino em 07/10/2019 - 17:45

O colégio estadual é o último a conseguir instalar os equipamentos. Foram vários entraves enfrentados desde 2013.

Player Ouça a reportagem

As altas temperaturas de mais de 30º registradas na cidade não são mais problema para alunos e professores do IEEM (Instituto Estadual de Educação de Maringá). É que no último mês, os 26 aparelhos de ar-condicionado, encaixotados desde 2013, começaram a funcionar nas salas de aula. O colégio estadual é o último a ter a instalação concluída, da lista de 22 instituições do Núcleo Regional de Educação de Maringá que receberam os equipamentos do Governo Estadual. Foram vários entraves que tornaram a instalação tardia, que só terminou em 16 de setembro. Mas o principal foi a inconsistência técnica do projeto da rede de energia da Copel. A diretora do IEEM Leonice Berti Mendes diz que a qualidade de ensino agora é outra. As melhorias são tanto para alunos, quanto para professores. 
 
Os outros dois colégios que também enfrentaram problemas na instalação dos aparelhos de ar-condicionado nas salas de aulas foram o Juscelino Kubitschek Oliveira e Silvio Magalhães Barros. Porém, ambos concluíram as instalações em 2018. No IEEM, os aparelhos beneficiam 1.890 alunos matriculados nos cursos regulares e ensino médio. 

Atualizado em 08/10  às 10h20 -  O Núcleo de Educação informa que o Estado avalia a possibilidade de instalar aparelhos de ar condicionado nas demais escolas estaduais.  A cidade tem 37 escolas conveniadas incluindo as conveniadas. 

 

Notícias da mesma editoria