Mulher é suspeita de matar cachorro a paulada em Maringá
Cleber França/Via GMC Online

Parque Avenida

Mulher é suspeita de matar cachorro a paulada em Maringá

Segurança por Portal GMC Online em 22/01/2019 - 11:37

Uma mulher foi detida pela Polícia Militar (PM), na noite desta segunda-feira (21), acusada de matar um cachorro da raça pinscher a paulada no Parque Avenida, em Maringá. A suspeita foi denunciada pelo dono do animal ferido. 

Segundo informações da PM, no local, moradores relataram que a mulher passeava com um cachorro quando agrediu outro animal na cabeça com um pedaço de madeira. Ele teria começado a latir para o outro cachorro antes de ser agredido. De acordo com a polícia, a mulher carregava um cabo de vassouras.

O cachorro agredido morreu na hora. A suspeita foi ameaçada de morte por dois homens que estavam no local. Com a chegada da polícia, os envolvidos foram levados ao 4º Batalhão de Polícia Militar (BPM) para registro de Termo Circunstanciado.

De acordo com o diretor da Secretaria de Bem-estar Animal de Maringá, Marco Antônio Azevedo, as equipes já estão acompanhando o caso e devem visitar as duas partes envolvidas para apurar a situação. "[...] para ver se a gente já obtém provas contundentes que justifiquem fazer a multa. Se não, nós vamos acompanhar a apuração da polícia", explica.

Segundo Azevedo, a multa para situações de maus tratos a animais é de R$ 2 mil, conforme lei municipal 10.467/2017.

Por Monique Manganaro/Portal GMC Online