MP ajuiza ação contra vereador e assessor em processo que apura “rachadinha”
Foto: Divulgação/MP-PR

Cianorte

MP ajuiza ação contra vereador e assessor em processo que apura “rachadinha”

Política por Luciana Peña em 18/03/2021 - 10:36

Um vereador de Cianorte é acusado pelo Ministério Público de se apropriar de parte da remuneração de um assessor parlamentar. O vereador e o assessor foram denunciados esta semana à Justiça.

Os dois são acusados de improbidade administrativa. Na ação, o MP pede a indisponibilidade dos bens do vereador, que está afastado do cargo, e do servidor, no total de R$ 56 mil. A promotoria também pede o ressarcimento dos danos aos cofres públicos, pagamento de multa, perda da função pública e suspensão dos direitos políticos.

Em novembro do ano passado, o vereador e o assessor chegaram a ser presos numa operação do Gaeco.

Os policiais flagraram o vereador com parte do dinheiro que tinha sido sacado naquela manhã pelo servidor.

O salário do assessor era de R$ 4.225,00. A suspeita é que ele ficava com um terço deste valor e entregava o restante ao vereador.

A CBN está tentando contato com o advogado dos suspeitos.

Atualizado às 10h35: O assessor foi exonerado.

Atualizado às 11h20: A defesa não foi notificada sobre essa ação cível. Na ação penal a defesa alega que a acusação de “rachadinha” não procede.