Maringaenses sobem ao pódio nas Paralimpíadas de Tóquio
Imagem ilustrativa | Fotos: Arquivo/Divulgação

Jogos

Maringaenses sobem ao pódio nas Paralimpíadas de Tóquio

Esporte por Letícia Tristão em 29/08/2021 - 09:50

Na natação e no judô, as atletas conquistaram o bronze para o Brasil. De Maringá para o mundo, levando a bandeira da superação da deficiência, as medalhas conquistadas representam mais que uma vitória na competição.

A estreia das atletas maringaenses nas Paralimpíadas de Tóquio foi nesse fim de semana. 

As gêmeas da natação Débora e Beatriz Borges Carneiro, de 23 anos, conquistaram a medalha de bronze em competições distintas no sábado. 

Débora disputou no revezamento 4x100 livre misto, na categoria S14. Em 3m51s23, ao lado de Gabriel Bandeira, Ana Karolina de Oliveira, Felipe Vila Real, a maringaense subiu ao pódio com o bronze.

Mais tarde, as gêmeas nadaram 100m peito classe SB14, e a gêmea Beatriz Carneiro faturou o bronze na prova com 1min17s61. Beatriz ficou apenas dois centésimos à frente de sua irmã Débora, que ficou em quarto lugar.

O pai das gêmeas, Eraldo Carneiro, falou com muita emoção sobre a trajetória das filhas no esporte. [ouça o áudio acima]

No judô também teve pódio para maringaense nas Paralimpíadas de Tóquio. Meg Emmerich conquistou o bronze na categoria acima de 70kg, 1m22s de luta. Ela garantiu a vitória por Ippon contra a mongol Nyamaa.

A judoca maringaense de 34 anos já havia levado o bronze no Mundial de 2018 e agora agrega também o título de medalhista paralímpica.

 

Quer enviar sugestão, comentário, foto ou vídeo para a CBN Maringá? Faça contato pelo WhatsApp (44) 99877 9550