Justiça condena 3 homens envolvidos no tiroteio que feriu duas crianças em Maringá
As penas de Dione Jorge dos Santos, Jhenisson Monteiro dos Santos e Matheus Nei de Souza somaram 65 anos de prisão | Foto: Polícia Militar/arquivo

Jardim São Silvestre

Justiça condena 3 homens envolvidos no tiroteio que feriu duas crianças em Maringá

Segurança por Portal GMC Online em 02/12/2021 - 14:37

Três homens envolvidos no tiroteio que feriu duas crianças no Jardim Silvestre, em Maringá, foram condenados pela Justiça nesta quinta-feira (2). Dione Jorge dos Santos foi condenado a 31 anos de prisão, Jhenisson Monteiro dos Santos a 20 anos e Matheus Nei de Souza a 14 anos de cadeia. 

O advogado de defesa, José Carlos Ragiotto, disse que vai recorrer da decisão. “Recorrer porque a condenação do Jhenisson contrariou a prova dos autos, e na votação dos quesitos do Mateus, houve erro, especialmente na votação das qualificadoras”, afirmou o advogado.

Segundo a denúncia, em fevereiro de 2018, o trio perseguiu um homem, durante uma briga pela disputa do tráfico de drogas. O homem tentou se esconder na casa onde os meninos de 10 e 11 anos jogavam videogame. Após mais de 30 disparos, a vítima foi assassinada no local. Alguns tiros atingiram as crianças na barriga e no quadril.

Elas foram levados para Unidades de Terapia Intensiva (UTI). O mais jovem se recuperou de forma mais rápida. Já Diego Brito, de 11 anos, perdeu o movimento das pernas e precisou de um longo período de recuperação e fisioterapia para voltar a andar com a ajuda de aparelhos.

Por Ricardo Freitas/GMC Online

Quer enviar sugestão, comentário, foto ou vídeo para a CBN Maringá? Faça contato pelo WhatsApp (44) 99877 9550

Diego Brito em recuperação. Imagem de 2019 | Foto: Reprodução/Arquivo
Diego Brito em recuperação. Imagem de 2019 | Foto: Reprodução/Arquivo