Impressões digitais no local do triplo homicídio são do principal suspeito, indica laudo
Foto: Divulgação/PCPR

Umuarama

Impressões digitais no local do triplo homicídio são do principal suspeito, indica laudo

Segurança por Letícia Tristão em 24/08/2021 - 15:36

O resultado foi divulgado pela polícia nesta terça-feira (24). O suspeito permanece preso. 

A Polícia Civil de Umuarama continua as investigações do crime de triplo homicídio que aconteceu na cidade, no início do mês.

O laudo papiloscópico divulgado nesta terça-feira (24), indica que as impressões digitais encontradas no local do crime são do principal suspeito, de 39 anos. Ele era casado com uma das vítimas, mas eles não estavam morando mais juntos, segundo a polícia.

De acordo com o delegado Osnildo Lemes, é mais uma prova que reforça os indícios contra o suspeito. [ouça o áudio acima]

O trabalho do investigador continua na análise dos aparelhos celulares. [ouça o áudio acima]

A família - pai, mãe e filha -, foi morta a facadas na residência, em Umuarama. A funcionária da casa encontrou os corpos na manhã seguinte. O principal suspeito foi preso em flagrante no dia seguinte, quando foi ouvido pela polícia, e permanece preso na Cadeia Pública de Campo Mourão. A reportagem não conseguiu contato com a defesa dele.

Atualizado 17h29 para retificação.

 

Quer enviar sugestão, comentário, foto ou vídeo para a CBN Maringá? Faça contato pelo WhatsApp (44) 99877 9550