Hemocentro do HUM retoma aos poucos o volume de doações de sangue pré-pandemia
Imagem Ilustrativa | Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

25 de novembro

Hemocentro do HUM retoma aos poucos o volume de doações de sangue pré-pandemia

Cidade por Luciana Peña em 25/11/2021 - 10:01

Mas o início da temporada de férias preocupa, por isso o apelo para que os doadores compareçam ao Hemocentro. 25 de Novembro é o Dia Nacional do Doador Voluntário de Sangue.

Nos meses mais críticos da pandemia de coronavírus as doações de sangue no Hemocentro do Hospital Universitário de Maringá caíram em média de 25% a 30%. Em alguns dias a queda foi ainda maior.

Mas aos poucos, com o avanço da vacinação e a redução de casos de coronavírus, os doadores voltaram.

Neste 25 de Novembro, Dia Nacional do Doador Voluntário de Sangue, o volume de doações está sendo retomado ao nível pré-pandemia.

Os estoques do Hemocentro do HUM, que atendem uma população de um milhão e meio de habitantes, da macrorregião noroeste, além de serviços da rede Hemepar, que é o Centro de Hematologia e Hemoterapia do Paraná, estão estáveis diz a farmacêutica Márcia Momesso, diretora do Hemocentro. [áudio acima]

A preocupação, no entanto, é com a temporada de férias, momento em que tradicionalmente o número de doadores cai e a necessidade de sangue aumenta. E o sangue tem validade. A plaqueta, por exemplo, tão importante para conter uma hemorragia, dura apenas cinco dias. [ouça o áudio acima]

Pode doar sangue quem tem de 16 a 69 anos de idade, pesa 50 quilos ou mais e está em boa saúde. Quem tem de 60 a 69 anos só pode doar sangue se antes dessa idade já doou alguma vez. Menores de idade precisam estar acompanhados de um responsável.

Quem teve Covid-19 só pode doar sangue 30 dias após se recuperar da doença. [ouça o áudio acima]

O horário de atendimento do Hemocentro do HUM é das 7h às 18h30.

Quer enviar sugestão, comentário, foto ou vídeo para a CBN Maringá? Faça contato pelo WhatsApp (44) 99877 9550