Dois candidatos disputam a eleição suplementar em Munhoz de Mello
Imagem Ilustrativa | Foto: Fábio Rodrigues Pozzebom/Arquivo/Agência Brasil

No domingo

Dois candidatos disputam a eleição suplementar em Munhoz de Mello

Política por Luciana Peña em 09/04/2021 - 13:12

A eleição será realizada no domingo (11). Na cidade, não há muito clima de eleição, por causa da época e das restrições sanitárias.

Munhoz de Mello, cidade aqui do noroeste do Paraná, tem 3310 eleitores. No próximo domingo, dia 11, eles vão voltar às urnas para eleger o prefeito e o vice-prefeito da cidade.

É que o candidato que venceu as eleições em 2020, Gilmar Silva, do MDB, que já tinha sido prefeito da cidade, teve o registro de candidatura indeferido.

De janeiro até agora quem está administrando Munhoz de Mello é o presidente da Câmara Municipal.

Dois candidatos disputam o cargo de prefeito na eleição suplementar.

Aureo Gomes do DEM, que tem Riva Goulart do PSD como vice; e Dr Marcondes Araújo, do PL, que tem Bruno Araújo (sem parentesco), do PL, como vice.

Aureo já foi professor, conselheiro tutelar, vereador por três mandatos e diuas vezes vice-prefeito. [ouça o áudio acima]

Dr Marcondes Araújo é médico geriatra, servidor de carreira da Prefeitura de Munhoz de Mello e concorreu pela primeira vez nas eleições passadas. Era o vice na chapa que teve o registro indeferido. [ouça o áudio acima]

A eleição será das 7h às 17h em dois locais de votação. O horário das 7h às 10h é preferencialmente para eleitores com 60 anos ou mais. A votação será acompanhada pelo presidente do TRE Paraná, desembargador Tito Campos de Paula. O uso de máscara é obrigatório e todas as medidas sanitárias necessárias serão adotadas. A CBN apurou que a cidade não vive um clima de eleição, por causa da época e por causa da pandemia.