Audiência pública na Câmara de Maringá vai discutir o passaporte sanitário
Imagem Ilustrativa | Foto: Arquivo/CMM

Saúde

Audiência pública na Câmara de Maringá vai discutir o passaporte sanitário

Política por Luciana Peña em 29/11/2021 - 13:02

O evento será realizado na quinta-feira (2) e vai apresentar opiniões contrárias à exigência, que já se tornou uma prática em várias cidades, inclusive em Maringá.

A exigência do passaporte sanitário é um debate que ainda gera polêmica.

Há quem não concorde com a exigência da apresentação da carteira de vacinação em eventos com público ou até em escolas.

A vereadora Cris Lauer, por exemplo, só tomou a primeira dose da vacina contra a Covid-19 e decidiu não completar o esquema vacinal por duvidar da eficácia do imunizante.

Ela não concorda com o passaporte sanitário e está promovendo uma audiência pública na Câmara Municipal para que convidados, entre eles médicos e cientistas, apresentem o ponto de vista contrário à exigência.

Mesmo sem uma lei, diz a vereadora, o passaporte tem se tornado uma obrigatoriedade aqui em Maringá. [ouça o áudio acima]

A audiência será na quinta-feira (2), no modelo híbrido. Na Câmara Municipal é possível que até 160 pessoas acompanhem a audiência. [ouça o áudio acima]

A audiência será realizada das 14h às 17h.