Reajuste do transporte intermunicipal está no DER
Imagem Ilustrativa/Reprodução/tccc.com.br

Coletivo

Reajuste do transporte intermunicipal está no DER

Por Victor Simião em 07/06/2019 - 17:36

Alteração, que costuma ocorrer em junho, ainda não tem data para ser concedida.

Atualização às 19h: No final da tarde desta sexta-feira (07), o diretor da TCCC, Roberto Jacomelli, falou que o cálculo é feito pelo DER e não deu mais detalhes.

Player Ouça a reportagem

O reajuste tarifário para as 11 linhas feitas pelo transporte rodoviário Cidade Verde, empresa ligada à TCCC, e responsável pelo transporte intermunicipal em alguns municípios na região de Maringá, ainda não aconteceu. Um pedido foi protocolado no DER, o Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná, em maio, mas ainda não houve decisão. A CBN não conseguiu os valores solicitados. Em 2018, o reajuste foi feito em primeiro de junho.

O que se sabe até agora é que o pedido chegou a ser enviado com parecer favorável à Agepar, a agência reguladora de preços no Paraná, que analisa os pedidos nos serviços prestados ao poder público estadual. O transporte coletivo intermunicipal se enquadra nessa categoria. Aí, a Agepar apontou falta de informações e devolveu a solicitação ao DER, que tem de fazer correções.

A CBN entrou em contato com o DER. A informação da assessoria de imprensa é a de que o processo está em trâmite. Questionando sobre qual o valor solicitado, o departamento não respondeu.

A CBN entrou em contato com a diretora da Transporte Coletivo Cidade Canção, TCCC, responsável pela Cidade Verde, mas o responsável não atendeu às ligações.

Em 2018, o reajuste na linha entre Sarandi e Maringá foi de 4%, passando de R$ 3,75 para R$ 3,90. O preço é o mesmo para quem vai ou para quem volta de Paiçandu. Para outras localidades, o valor muda.

Esse reajuste não segue a mesma lógica do feito no município, que em Maringá tem havido embates nos últimos anos entre a empresa e o poder público.

Notícias Relacionadas

Notícias da mesma editoria