Osmar publica nota em que deixa em aberto acordos e alianças
CBN Maringá

O Assunto é Política

Osmar publica nota em que deixa em aberto acordos e alianças

Por Diniz Neto em 06/06/2018 - 10:00

Esse é outros temas são assuntos da coluna de Diniz Neto.

Player Ouça o boletim

TEMPO Faltam 123 dias para as eleições de 7 de outubro, primeiro turno.

OSMAR DIAS

Até demorou um pouco. A primeira publicação aconteceu às 12h13 minutos, em grupo de apoio a Osmar Dias para governador, no Whatsapp. Uma hora depois, às 13h15, a publicação chegou ao Facebook de Osmar.

A nota foi sobre notícias de sua presença na festa de aniversário do deputado federal João Arruda. Ele não confirmou acordo com o senador Roberto Requião (MDB). Disse que está “conversando com todos os potenciais aliados e com partidos interessados em discutir um novo projeto para o Estado. E quanto às alianças, elas só serão formalizadas por ocasião das convenções. Até lá, estamos abertos a conversar com todos os partidos, mas deixando claro que o apoio deve ser ao projeto de Estado que estamos construindo”.

Sites e blogs publicaram ontem, com fotos, que no aniversário do deputado Osmar e Requião haviam anunciado um acordo para as eleições.

Importante: A nota de Osmar Dias não descarta o acordo, mas também não o confirma, deixando a oficialização de qualquer apoio para as convenções partidárias.

A informação do acordo correu rapidamente foi suficiente para gerar apoios e críticas, inclusive em espaços privativos da pré-campanha de Osmar Dias.

No Twitter e na página de Requião no Facebook não houve publicação sobre o aniversário e o encontro com Osmar.

 

AGENDA CHEIA

Depois de mais de uma semana sem muita movimentação, Ratinho Junior (PSD) começou a semana agitado. Participou de várias reuniões e entrevistas, em Curitiba.

A direção executiva do PSD realizou reunião na segunda-feira, ao meio dia.

 

CREDENCIAMENTO PIONEIRO NA SAÚDE

A governadora Cida Borghetti lançou nesta terça-feira (05) edital de credenciamento para incluir os serviços de reprodução assistida pelo sistema público de saúde.

O Paraná é o primeiro a fazer este atendimento pelo SUS. A medida pioneira faz parte de uma série de outras ações que reforçam o atendimento da saúde da mulher.

O teste do pezinho para recém-nascidos foi ampliado e passa de seis para 11 doenças raras identificáveis. As novas medidas fazem parte da Atenção Integral à Saúde da Mulher.

 

CÂMARA AGUARDA PUBLICAÇÃO DA DECISÃO DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA

A Comissão Processante (CP) contra o vereador Homero Marchese aguarda a publicação da decisão do Tribunal de Justiça para recurso apresentado pelo vereador.

A informação é que o colegiado da 5ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Estado do Paraná negou recurso ao vereador, considerando correta a instalação e funcionamento da CP. Mas é preciso aguardar publicação na sua totalidade.

O vereador Homero somente vai se pronunciar após esta publicação.

 

CONTRA

Os vereadores Chico Caiana (PTB), Onivaldo Barris (PHS) e Sidnei Telles (PSD) votaram contra projeto de lei do vereador William Gentil, que mexe na legislação do comércio de ambulantes.

O projeto 14.482/2017, aprovado ontem, em primeira discussão, segundo os vereadores que votaram contra o projeto, abre demais as possibilidades do comércio ambulante, inclusive em alimentos. Eles defendem que seja melhor debatido e que seja modificado.

O que amplia: X – café, refrigerante e água mineral; XI – pães, salgados, bolos e tortas; XII – vassouras, rodos e similares.”

O Artigo 2º revoga o artigo 10 da Lei n. 5.855/2002, que completava a normatização dos tipos de produtos que podem ser vendidos por ambulantes.

 

HORAS EXTRAS

O secretário de Saúde, Jair Biatto, esteve ontem na Câmara Municipal, explicando as horas extras e a jornada de trabalho, com redução de 40 para 30 horas.

O secretário explicou que são feitas 30 mil horas extras por mês. Há um controle sendo feito para tentar reduzir este volume.

Já a redução da jornada de trabalho de 40 para 30 horas semanais foi uma promessa de campanha, mas ainda está em estudos para se definir o que e como poderá ser feita.

Na reportagem da CBN Maringá ficou claro que as contas não batem. Parece muito difícil reduzir horas extras e, ao mesmo tempo, a carga horária dos funcionários.

Lembrando que este tempo de trabalho dos servidores deve ser para o atendimento à população no Hospital Municipal, nas UPAS e demais unidades, órgãos e setores de saúde pública administrados pelo município.

 

APROVADO BARRACÃO SOLIDÁRIO

A Administração Municipal instituirá o Barracão Solidário, com a finalidade de receber, armazenar e distribuir gratuitamente à população carente, de acordo com critérios próprios,

móveis, aparelhos eletroeletrônicos e utensílios domésticos doados pela comunidade.

O projeto é de autoria do vereador Belino Bravin.

 

MUNICÍPIOS - MARIALVA

O Presidente da Câmara Municipal de Marialva, Ricardo Vendrame (Progressistas), disse estar preocupado com a saúde financeira do Município, especialmente em relação aos gastos com pessoal.

O presidente, em nome da Mesa Diretora, convidou o secretário de Finanças, Bruno Costa de Oliveira, para prestar esclarecimentos sobre o percentual de gastos com pessoal e encargos sociais, do Executivo.

Ricardo Vendrame adianta que a Câmara exercerá com equilíbrio a sua função fiscalizadora. Importante compreender quais motivos levaram a esse percentual e quais medidas serão adotadas para normalizá-lo.

Lembrando que a prestação de contas foi realizada na Câmara de Marialva no dia 30 de maio, com a presença de apenas um dos nove vereadores, Wesley Araújo (PR).