Base aérea e policiamento aquático para proteger a fronteira

Segurança

Base aérea e policiamento aquático para proteger a fronteira

Segurança por Luciana Peña em 02/12/2017 - 11:17

É o que a região noroeste do Paraná precisa para coibir  a criminalidade na região de Guaíra, diz o coronel Antônio Roberto dos Anjos Padilha, comandante do 3º Comando Regional.   A base aérea deve ser em Maringá e o policiamento aquático nos portos da região de Paranavaí.  O coronel participou esta semana de uma série de reuniões com comandantes de Mato Grosso do Sul e São Paulo para tratar sobre segurança na fronteira.